Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pingos de Chuva

Depois da chuva passar, haverá sempre um arco-iris no céu

Pingos de Chuva

Depois da chuva passar, haverá sempre um arco-iris no céu

O poder de um apelido

Há dias, enquanto esperava na fila do banco, deu para perceber o poder de um apelido ou, neste, caso, dois. Uma das funcionárias fez uma chamada para um cliente e assim que diz o nome do senhor, ficou tudo de orelha no ar e até houve um senhor que estava a ser atendido na caixa que deu um salto e virou-se para trás. Claro que o cliente não era quem toda a gente, por segundos, pensou. Mas deu para rir um bocadinho com os comentários. O nome em causa era Pinto da Costa... Pois. Cada vez que volto ao banco, estou à espera que a C. ligue para um Luís Filipe Vieira ou um Bruno de Carvalho.

E não foi indiscrição da funcionária porque o balcão de atendimento é ao lado da fila para a caixa por isso era impossível não ouvir.